Batendo Ponto - 3ª Edição | 23/09 a 29/09

Confira as notícias da semana

Escrito por: CUT RJ • Publicado em: 29/09/2016 - 16:26 • Última modificação: 29/09/2016 - 16:34 Escrito por: CUT RJ Publicado em: 29/09/2016 - 16:26 Última modificação: 29/09/2016 - 16:34

CUT RJ

Proposta da Fenaban é uma afronta e a greve continua

A "proposta" da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) para os bancários, na reunião desta quinta-feira (28), em São Paulo, deixou os bancários indignados. Os bancos insistem em manter o arrocho salarial com reajuste de 7%, abaixo da inflação, e tentam engambelar a categoria com aumento de R$ 200 em relação à proposta anterior de abono (subiu de R$ 3.300 para R$ 3.500).

Leia mais

 

TST decide que o negociado não pode se sobrepor à legislação

O pleno do Tribunal Superior do Trabalho concluiu na segunda (26) um julgamento histórico: apesar dos esforços do ministro e presidente do tribunal, Ives Gandra, de fazer valer que o negociado vale mais do que o legislado, o pleno do TST manteve o entendimento que o negociado não vale mais do que a lei. Ou seja, nenhuma negociação pode tirar direitos da classe trabalhadora.

Leia mais

 

A luta dos servidores do PSF de Caxias pelos seus direitos

Os enfermeiros, dentistas e médicos estatutários do Programa de Saúde da Família, de Duque de Caixas, ingressaram por concurso em 2008. Depois da posse esses profissionais foram incluídos numa lei que permite ao pessoal de 20 horas trabalhar 40 horas e receber um gratificação compensatória. Mas seus vencimentos são exatamente iguais aos vencimentos de 20 horas. Com isso, suas férias, 13º e aposentadoria estão em desacordo com a carga horária.

Leia mais

 

Medida provisória de Temer é golpe no ensino médio

Entre os tantos golpes que os direitos sociais têm sofrido no Brasil, o mais recente, deflagrado dia 22, foi, mais uma vez, contra a educação. Especificamente contra o ensino médio, com o anúncio da medida provisória que, sem debate algum com a sociedade brasileira, pretende instituir uma espécie de "milagrosa" - eufemismo para falaciosa e irresponsável - reforma do setor.

Leia mais

 

Começa a "Operação Para Pedro" dos petroleiros

A mobilização da Federação Única dos Petroleiros teve início com uma importante vitória dos trabalhadores: a confirmação do cancelamento da certificação do SPIE da REDUC. A medida é fruto das denúncias que o movimento sindical fez dos seguidos acidentes na refinaria, entre eles o que causou a morte do operador Luis Augusto Cabral, em 31 de janeiro.

Leia mais

Título: Batendo Ponto - 3ª Edição | 23/09 a 29/09, Conteúdo: Proposta da Fenaban é uma afronta e a greve continua A proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) para os bancários, na reunião desta quinta-feira (28), em São Paulo, deixou os bancários indignados. Os bancos insistem em manter o arrocho salarial com reajuste de 7%, abaixo da inflação, e tentam engambelar a categoria com aumento de R$ 200 em relação à proposta anterior de abono (subiu de R$ 3.300 para R$ 3.500). Leia mais   TST decide que o negociado não pode se sobrepor à legislação O pleno do Tribunal Superior do Trabalho concluiu na segunda (26) um julgamento histórico: apesar dos esforços do ministro e presidente do tribunal, Ives Gandra, de fazer valer que o negociado vale mais do que o legislado, o pleno do TST manteve o entendimento que o negociado não vale mais do que a lei. Ou seja, nenhuma negociação pode tirar direitos da classe trabalhadora. Leia mais   A luta dos servidores do PSF de Caxias pelos seus direitos Os enfermeiros, dentistas e médicos estatutários do Programa de Saúde da Família, de Duque de Caixas, ingressaram por concurso em 2008. Depois da posse esses profissionais foram incluídos numa lei que permite ao pessoal de 20 horas trabalhar 40 horas e receber um gratificação compensatória. Mas seus vencimentos são exatamente iguais aos vencimentos de 20 horas. Com isso, suas férias, 13º e aposentadoria estão em desacordo com a carga horária. Leia mais   Medida provisória de Temer é golpe no ensino médio Entre os tantos golpes que os direitos sociais têm sofrido no Brasil, o mais recente, deflagrado dia 22, foi, mais uma vez, contra a educação. Especificamente contra o ensino médio, com o anúncio da medida provisória que, sem debate algum com a sociedade brasileira, pretende instituir uma espécie de milagrosa - eufemismo para falaciosa e irresponsável - reforma do setor. Leia mais   Começa a Operação Para Pedro dos petroleiros A mobilização da Federação Única dos Petroleiros teve início com uma importante vitória dos trabalhadores: a confirmação do cancelamento da certificação do SPIE da REDUC. A medida é fruto das denúncias que o movimento sindical fez dos seguidos acidentes na refinaria, entre eles o que causou a morte do operador Luis Augusto Cabral, em 31 de janeiro. Leia mais



Informativo CUT RJ

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.