Busca e Apreensão em dois sindicatos em menos de 24h

A desculpa para a invasão que previa inclusive "arrombamento do prédio" era apreender materiais que favorecessem Haddad - Nada foi encontrado.

Escrito por: CUT Rio • Publicado em: 23/10/2018 - 14:58 Escrito por: CUT Rio Publicado em: 23/10/2018 - 14:58

Entre domingo e segunda-feira, dois sindicatos filiados a CUT foram invadidos no Rio de Janeiro com a desculpa de que estariam funcionando como comitês de campanha ilegais.

Em um dos mandatos, no sindicato dos Metalúrgicos de Niterói, era previsto inclusive o "arrombamento do prédio", o que soa absurdo. Os dirigentes sindicais nos dois casos prontamente conferiram acesso a justiça em todas as dependencias dos sindicatos.

Para além do sindicato, carros de funcionários e objetos pessoais foram revistados, sem nem mesmo ser permitida a presença de qualquer sindicalista para acompanhar a revista.

A desculpa absurda da caçada se mostrou infundada, apreenderam materiais de mão, unitários, e de posse pessoal de algumas pessoas. Nenhuma quantidade armazenada de material para distribuição ou qualquer material de segundo turno foram encontrados após a devassa.

A CUT Rio enxerga esta sequencia de incursões como uma perseguição política do direito de liberdade de expressão, assim como tentariva de intimidação do exercício sindical no nosso Estado. Nossas entidades filiadas tem como finalidade a defesa do trabalhador de cada categoria e neste fim atuam em tempos de eleição e em tempos de democracia. Não nos intimidarão. Temos a certeza que agora, mais do que nunca, todos os sindicatos terão papel reforçado na defesa dos direitos que nos restam e no bem estar de cada trabalhador deste Brasil. Acataremos todas as decisões judiciais e seguiremos todos os ritos democráticos que nossa constituição nos impõe e nunca nos furtaremos ao nosso dever de lutar pelo justo e pelos direitos trabalhistas.

Título: Busca e Apreensão em dois sindicatos em menos de 24h, Conteúdo: Entre domingo e segunda-feira, dois sindicatos filiados a CUT foram invadidos no Rio de Janeiro com a desculpa de que estariam funcionando como comitês de campanha ilegais. Em um dos mandatos, no sindicato dos Metalúrgicos de Niterói, era previsto inclusive o arrombamento do prédio, o que soa absurdo. Os dirigentes sindicais nos dois casos prontamente conferiram acesso a justiça em todas as dependencias dos sindicatos. Para além do sindicato, carros de funcionários e objetos pessoais foram revistados, sem nem mesmo ser permitida a presença de qualquer sindicalista para acompanhar a revista. A desculpa absurda da caçada se mostrou infundada, apreenderam materiais de mão, unitários, e de posse pessoal de algumas pessoas. Nenhuma quantidade armazenada de material para distribuição ou qualquer material de segundo turno foram encontrados após a devassa. A CUT Rio enxerga esta sequencia de incursões como uma perseguição política do direito de liberdade de expressão, assim como tentariva de intimidação do exercício sindical no nosso Estado. Nossas entidades filiadas tem como finalidade a defesa do trabalhador de cada categoria e neste fim atuam em tempos de eleição e em tempos de democracia. Não nos intimidarão. Temos a certeza que agora, mais do que nunca, todos os sindicatos terão papel reforçado na defesa dos direitos que nos restam e no bem estar de cada trabalhador deste Brasil. Acataremos todas as decisões judiciais e seguiremos todos os ritos democráticos que nossa constituição nos impõe e nunca nos furtaremos ao nosso dever de lutar pelo justo e pelos direitos trabalhistas.



Informativo CUT RJ

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.