Dia Nacional de Luta em defesa da Previdência Social e Contra o Fim de sua Aposentadoria - 20 de fevereiro

e Contra o Fim de sua Aposentadoria - 20 de fevereiro

Escrito por: CUT RJ • Publicado em: 10/02/2019 - 18:30 Escrito por: CUT RJ Publicado em: 10/02/2019 - 18:30

No dia 7 de fevereiro, reunidos em Plenária, os sindicatos e as entidades sindicais CUTistas presentes discutiram, avaliaram e deliberaram por orientar as seguintes ações no âmbito da mobilização unitária da classe trabalhadora contra a reforma da Previdência proposta pelo governo Bolsonaro:
• Pautar o debate sobre o desmonte da Previdência Pública em suas direções, juntos as respectivas bases sindicais (antes e depois do dia 20);
• Promover debates e ações de mobilização nos locais onde já temos estrutura regional da CUT (antes e depois do dia 20);
• Reproduzir cópias do panfleto nacional de divulgação da mobilização da campanha;
• Produzir materiais de divulgação próprios da campanha para o trabalho de conscientização de suas bases (peças, panfletos, matérias e reportagens, vídeos, memes, outros);
• Participar, prioritariamente, das ações de mobilização no estado do Rio de Janeiro, no dia 20.
• Participar da Assembleia Nacional da Classe Trabalhadora, no dia 20, na Praça da Sé, 10h, em SP. Obs.: (1) Comunicar a CUT/RJ a delegação da entidade. (2) O custo da participação de cada dirigente será de responsabilidade da entidade sindical vinculada;
• A Secretaria de Comunicação da CUT/RJ disponibilizará o ‘arquivo aberto’ do panfleto nacional e outros produtos, de acordo com a demanda dos sindicatos.
Para a reunião do Fórum das Centrais Sindicais/RJ (08-02-19), a Plenária deliberou por apresentar uma proposta para negociação e aprovação das seguintes ações organizativas:
• Comunicar que os sindicatos CUTistas estão em processo de mobilização em sua base e participarão das ações no RJ e em SP programadas para o dia 20 de fevereiro;
• Cada entidade (Central e as respectivas entidades filiadas) se responsabilizará por enviar suas representações para a Assembleia Geral em SP. A CUT, à princípio, não participará de rateio custo de transporte para caravanas unitárias de dirigentes e militantes do Rio de Janeiro.
• Cada entidade (Central e as respectivas entidades filiadas) deverá se comprometer em rodar e produzir materiais de divulgação para a mobilização de acordo com as suas possibilidades;
• A CUT disponibiliza seus profissionais da área de comunicação para confeccionar materiais da campanha unitária;
• Realizar um grande ATO UNIFICADO na Central do Brasil, no dia 20, às 16h, com panfletos, estrutura de som e tendas de esclarecimentos sobre as reais intenções do governo embutidas na reforma da Previdência. Tipo: “Tire aqui a sua dúvida sobre a reforma da Previdência.”
Resolução conjunta das Centrais Sindicais aprovada na reunião do Fórum/RJ de 08 de fevereiro:
1. Mobilizar as direções e as bases sindicais, assim como, outros movimentos sociais, setoriais e territoriais na campanha em defesa da Previdência Publica e da Seguridade Social contra a o desmonte proposto pelo governo.
2. Realizar um grande ATO UNIFICADO no Boulevard Carioca, no dia 20, a partir das 15 hotras, com panfletos, estrutura de som e tendas de esclarecimentos sobre as reais intenções do governo embutidas na reforma da Previdência. Tipo: “Tire aqui a sua dúvida sobre a reforma da Previdência.” Obs.: Foi apresentado um orçamento para a reprodução de 30 mil panfletos e outros tantos cartazes de divulgação da campanha, assim como para a colagem, para os atos do dia 20. O custo será de cera de 5 mil reais. Aprovada a cotização entre as Centrais presentes – CTB, CGTB, INTERSINDCAL, CSP-CONLUTAS e CUT. Paulinho (CTB) ficou encarregado de conversar com as outras Centrais.
3. Cada entidade (Central e as respectivas entidades filiadas) se responsabilizará por enviar suas representações para a Assembleia Geral da classe Trabalhadora em SP.

CUT, CSP-CONLUTAS e CTB anunciaram que se farão presentes com suas representações em SP.
4. Aprovada seguinte NOTA:
5. Aprovada a NOTA:
“O FÓRUM DAS CENTRAIS SINDICAIS do RIO DE JANEIRO tem acompanhado o movimento de mulheres na construção de um 8 de Março de Luta! Neste sentido, manifesta seu compromisso em fortalecer as manifestações que estão sendo planejadas e programadas para ocorrerem no Centro do Rio.
8M - Pela vida das mulheres, justiça por Marielle, por democracia e direitos, contra a reforma da Previdência do Governo Bolsonaro.
As Centrais conclamam todas/os para participarem das assembleias, atos e mobilizações programadas para o dia 20 de fevereiro, próxima quarta-feira, “em defesa de uma aposentadoria digna, garantia de direitos, valorização do salário e unidade em defesa do país”.
São Paulo - Assembleia Nacional da Classe Trabalhadora, 10h, Praça da Sé.
Rio de Janeiro - Ato no Boulevard Carioca, a partir das 15 horas.

Essa luta é de todos/todas! Nenhum direito a menos!
SOMOS FORTES, SOMOS CUT

Saudações CUTISTAS
Keila Machado - Secretária Geral
Marcelo Rodrigues - Presidente

Título: Dia Nacional de Luta em defesa da Previdência Social e Contra o Fim de sua Aposentadoria - 20 de fevereiro, Conteúdo: No dia 7 de fevereiro, reunidos em Plenária, os sindicatos e as entidades sindicais CUTistas presentes discutiram, avaliaram e deliberaram por orientar as seguintes ações no âmbito da mobilização unitária da classe trabalhadora contra a reforma da Previdência proposta pelo governo Bolsonaro: • Pautar o debate sobre o desmonte da Previdência Pública em suas direções, juntos as respectivas bases sindicais (antes e depois do dia 20); • Promover debates e ações de mobilização nos locais onde já temos estrutura regional da CUT (antes e depois do dia 20); • Reproduzir cópias do panfleto nacional de divulgação da mobilização da campanha; • Produzir materiais de divulgação próprios da campanha para o trabalho de conscientização de suas bases (peças, panfletos, matérias e reportagens, vídeos, memes, outros); • Participar, prioritariamente, das ações de mobilização no estado do Rio de Janeiro, no dia 20. • Participar da Assembleia Nacional da Classe Trabalhadora, no dia 20, na Praça da Sé, 10h, em SP. Obs.: (1) Comunicar a CUT/RJ a delegação da entidade. (2) O custo da participação de cada dirigente será de responsabilidade da entidade sindical vinculada; • A Secretaria de Comunicação da CUT/RJ disponibilizará o ‘arquivo aberto’ do panfleto nacional e outros produtos, de acordo com a demanda dos sindicatos. Para a reunião do Fórum das Centrais Sindicais/RJ (08-02-19), a Plenária deliberou por apresentar uma proposta para negociação e aprovação das seguintes ações organizativas: • Comunicar que os sindicatos CUTistas estão em processo de mobilização em sua base e participarão das ações no RJ e em SP programadas para o dia 20 de fevereiro; • Cada entidade (Central e as respectivas entidades filiadas) se responsabilizará por enviar suas representações para a Assembleia Geral em SP. A CUT, à princípio, não participará de rateio custo de transporte para caravanas unitárias de dirigentes e militantes do Rio de Janeiro. • Cada entidade (Central e as respectivas entidades filiadas) deverá se comprometer em rodar e produzir materiais de divulgação para a mobilização de acordo com as suas possibilidades; • A CUT disponibiliza seus profissionais da área de comunicação para confeccionar materiais da campanha unitária; • Realizar um grande ATO UNIFICADO na Central do Brasil, no dia 20, às 16h, com panfletos, estrutura de som e tendas de esclarecimentos sobre as reais intenções do governo embutidas na reforma da Previdência. Tipo: “Tire aqui a sua dúvida sobre a reforma da Previdência.” Resolução conjunta das Centrais Sindicais aprovada na reunião do Fórum/RJ de 08 de fevereiro: 1. Mobilizar as direções e as bases sindicais, assim como, outros movimentos sociais, setoriais e territoriais na campanha em defesa da Previdência Publica e da Seguridade Social contra a o desmonte proposto pelo governo. 2. Realizar um grande ATO UNIFICADO no Boulevard Carioca, no dia 20, a partir das 15 hotras, com panfletos, estrutura de som e tendas de esclarecimentos sobre as reais intenções do governo embutidas na reforma da Previdência. Tipo: “Tire aqui a sua dúvida sobre a reforma da Previdência.” Obs.: Foi apresentado um orçamento para a reprodução de 30 mil panfletos e outros tantos cartazes de divulgação da campanha, assim como para a colagem, para os atos do dia 20. O custo será de cera de 5 mil reais. Aprovada a cotização entre as Centrais presentes – CTB, CGTB, INTERSINDCAL, CSP-CONLUTAS e CUT. Paulinho (CTB) ficou encarregado de conversar com as outras Centrais. 3. Cada entidade (Central e as respectivas entidades filiadas) se responsabilizará por enviar suas representações para a Assembleia Geral da classe Trabalhadora em SP. CUT, CSP-CONLUTAS e CTB anunciaram que se farão presentes com suas representações em SP. 4. Aprovada seguinte NOTA: 5. Aprovada a NOTA: “O FÓRUM DAS CENTRAIS SINDICAIS do RIO DE JANEIRO tem acompanhado o movimento de mulheres na construção de um 8 de Março de Luta! Neste sentido, manifesta seu compromisso em fortalecer as manifestações que estão sendo planejadas e programadas para ocorrerem no Centro do Rio. 8M - Pela vida das mulheres, justiça por Marielle, por democracia e direitos, contra a reforma da Previdência do Governo Bolsonaro. As Centrais conclamam todas/os para participarem das assembleias, atos e mobilizações programadas para o dia 20 de fevereiro, próxima quarta-feira, “em defesa de uma aposentadoria digna, garantia de direitos, valorização do salário e unidade em defesa do país”. São Paulo - Assembleia Nacional da Classe Trabalhadora, 10h, Praça da Sé. Rio de Janeiro - Ato no Boulevard Carioca, a partir das 15 horas. Essa luta é de todos/todas! Nenhum direito a menos! SOMOS FORTES, SOMOS CUT Saudações CUTISTAS Keila Machado - Secretária Geral Marcelo Rodrigues - Presidente



Informativo CUT RJ

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.