Fisenge lança campanha em defesa da Petrobrás

Engenheiros são contra a alteração do atual regime de partilha nos leilões do pré-sal

Escrito por: Fisenge • Publicado em: 14/08/2015 - 16:32 Escrito por: Fisenge Publicado em: 14/08/2015 - 16:32

Federação Interestadual de Sindicatos de Engenheiros (Fisenge) lançou a campanha ‪#‎EuSouPetrobras‬ em defesa da empresa estatal e contra a alteração do atual regime de partilha nos leilões de campos de petróleo, proposta pelo Projeto de Lei do Senado (PLS) 131/2015. De autoria do senador José Serra (PSDB-SP), o PLS 131/2015 pretende alterar a lei da partilha do pré-sal, inclusive na obrigatoriedade de que a empresa seja responsável pela "condução e execução, direta ou indireta, de todas as atividades de exploração, avaliação, desenvolvimento, produção e desativação das instalações de exploração e produção".

De acordo com o presidente da Fisenge, Clovis Nascimento, a campanha tem a finalidade de alertar sobre as tentativas de destruição do patrimônio brasileiro. "A tecnologia tem um papel imprescindível para a melhoria das condições de vida da população e para a diminuição das desigualdades. Este projeto, de caráter entreguista, tem o objetivo claro de facilitar a abertura indiscriminada de nosso mercado aos produtos e serviços estrangeiros e destruir o acúmulo de conhecimento e tecnologia brasileiros. A engenharia nacional tem demonstrado capacidade e técnica suficientes para contribuir em uma série de questões no nosso país, além da autossuficiência de petróleo, obras de infraestrutura, saneamento, telecomunicações e agronomia. Jamais aceitaremos uma relação de subserviência no setor tecnológico", alertou Clovis.

Se aprovado, o projeto será encaminhado à Câmara dos Deputados, onde passará pelas comissões da Casa. Após analisado, retorna ao Senado, de onde é encaminhado para a sanção presidencial. A presidenta Dilma Rousseff (PT) já se opôs publicamente a proposta.

Compartilhe #EuSouPetrobras

Título: Fisenge lança campanha em defesa da Petrobrás, Conteúdo: A Federação Interestadual de Sindicatos de Engenheiros (Fisenge) lançou a campanha ‪#‎EuSouPetrobras‬ em defesa da empresa estatal e contra a alteração do atual regime de partilha nos leilões de campos de petróleo, proposta pelo Projeto de Lei do Senado (PLS) 131/2015. De autoria do senador José Serra (PSDB-SP), o PLS 131/2015 pretende alterar a lei da partilha do pré-sal, inclusive na obrigatoriedade de que a empresa seja responsável pela condução e execução, direta ou indireta, de todas as atividades de exploração, avaliação, desenvolvimento, produção e desativação das instalações de exploração e produção. De acordo com o presidente da Fisenge, Clovis Nascimento, a campanha tem a finalidade de alertar sobre as tentativas de destruição do patrimônio brasileiro. A tecnologia tem um papel imprescindível para a melhoria das condições de vida da população e para a diminuição das desigualdades. Este projeto, de caráter entreguista, tem o objetivo claro de facilitar a abertura indiscriminada de nosso mercado aos produtos e serviços estrangeiros e destruir o acúmulo de conhecimento e tecnologia brasileiros. A engenharia nacional tem demonstrado capacidade e técnica suficientes para contribuir em uma série de questões no nosso país, além da autossuficiência de petróleo, obras de infraestrutura, saneamento, telecomunicações e agronomia. Jamais aceitaremos uma relação de subserviência no setor tecnológico, alertou Clovis. Se aprovado, o projeto será encaminhado à Câmara dos Deputados, onde passará pelas comissões da Casa. Após analisado, retorna ao Senado, de onde é encaminhado para a sanção presidencial. A presidenta Dilma Rousseff (PT) já se opôs publicamente a proposta. Compartilhe #EuSouPetrobras



Informativo CUT RJ

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.